Livro: Delírio

02:53 Ana Paula Sial 2 Comments


Sinopse: 
Muito tempo atrás, não se sabia que o amor é a pior de todas as doenças. Uma vez instalado na corrente sanguínea, não há como contê-lo. Agora a realidade é outra. A ciência já é capaz de erradicá-lo, e o governo obriga que todos os cidadãos sejam curados ao completar dezoito anos.Lena Haloway está entre os jovens que esperam ansiosamente esse dia. Viver sem a doença é viver sem dor: sem arrebatamento, sem euforia, com tranquilidade e segurança. Depois de curada, ela será encaminhada pelo governo para uma faculdade e um marido lhe será designado. Ela nunca mais precisará se preocupar com o passado que assombra sua família. Lena tem plena confiança de que as imposições das autoridades, como a intervenção cirúrgica, o toque de recolher e as patrulhas-surpresa pela cidade, existem para proteger as pessoas.Faltando apenas algumas semanas para o tratamento, porém, o impensado acontece: Lena se apaixona. Os sintomas são bastante conhecidos, não há como se enganar — mas, depois de experimentá-los, ela ainda escolheria a cura?



Delírio é o primeiro livro de uma trilogia de Lauren Oliver. Sinceramente não conhecia a autora, mas gostei do que li. A escrita é bem simples de ler, quando eu digo simples, é quando você não precisa ler mais de uma vez se acontece alguma coisa complexa rs. E história vai te envolvendo de tal forma que quando você vê o livro já acabou haha.

Mas vamos lá, a sinopse já diz bastante, a história se passa numa época em que o amor é considerado uma doença chamada "Amor deliria nervosa" e que é perigosíssima e mortal, ao completar 18 anos, todos jovens passam por uma intervenção para se "curar" do amor. A história se passa em um lugar chamado Portland (EUA) e é contada do ponto de vista da personagem principal, Lena Haloway, que está prestes a passar pela intervenção.


Quando você começa a ler, é muito previsível que a personagem principal irá se apaixonar, de tanto medo que ela tem da doença, e sim, isso acontece (a sinopse já fala rs), mas o interessante do livro não é isso, e sim a forma com que isso acontece, o desespero da personagem quando isso acontece e sua duvida entre seguir as regras ou "se render" a doença.

A autora fundamenta muito bem a doença em si (juro que por um segundo até achei que era doença mesmo hahaha), e descreve os sentimentos de uma forma que você, de certa forma, "sinta" junto ao personagem. E pelo menos a mim, ela convenceu de que a doença era péssima e depois conseguiu convencer de que era a coisa mais maravilhosa que podia acontecer com alguém (autora ninja #bjs).

 

Uma coisa interessante é que no inicio de cada capítulo tem uma citação sobre o amor deliria ou trecho da Shhh (Suma de Hábitos, Higiene e Harmonia), que é tipo um "manual" que ensina como identificar a doença, como eles devem agir, o que devem fazer, etc... Por sinal achei engraçado o fato de ser tipo uma onomatopeia de silêncio (mesmo que não seja proposital), uma vez que todos são obrigados a seguir o Shhh, ou são presos acusados de estarem com o amor deliria nervosa ou de serem simpatizantes daqueles que são a favor do amor e não acham ele uma doença.


E gente, o que é essa capa? um escândalo de brilhosa, eu adorei ahushsauuhasuh quando ganhei o sorteio e ele chegou, fiquei totalmente encantada só pela capa hahaha e muita gente odeia a capa por isso, mas enfim, gosto é gosto xD.

Bom, eu sei que isso não foi bem uma resenha, é mais uma opinião pessoal sobre o livro, o qual eu achei muito bom de ler (e olha que geralmente não curto romances de nenhum tipo). E mais, o livro terminou de um jeito que eu falei "NÃOOOO ACREDITOOOOOOOOOOOOOOO, preciso do segundo livro da série agora!" kkkkkkkkkk, pois é, agora estou querendo muito o segundo, que é o Pandemônio.

Pra fechar, um trecho que está atrás do livro e que eu achei muito legal:
"Ouvi muitas vezes que quando eu fosse curada do amor ficaria feliz e em segurança para sempre. Eu acreditava nisso. Antes. Agora tudo mudou, e posso dizer que hoje prefiro sofrer de amor por um único milésimo de segundo a viver cem anos reprimida por uma mentira"

E ai galera, se o amor fosse uma doença, você gostaria de ser curado dele?

bj ;)


Já estão participando do sorteio? clica aqui pra participar heim ;)

Você também vai gostar de:

2 comentários:

  1. Me interessei muito pelo livro! Vou procurar saber onde vende e seu valores e aí coloca-lo em minha listinha. rsrs
    BJBJ
    Eu não quero ir embora, blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um livro ótimo ;). Eu não sei onde vende porque eu ganhei, mas provavelmente é muito fácil de achar, principalmente porque a Intrínseca vai lançar o terceiro livro da série agora. Boa sorte ;)
      bj bj

      Excluir